Figo da Índia – Origem, Nutrientes, Benefícios e Efeitos Colaterais

Figo da Índia – Origem, Nutrientes, Benefícios e Efeitos Colaterais

De nome científico Opuntia fícus-indica, o figo da índia é uma fruta comestível, com sabor parecido com o de melões e peras, conhecido também como figo de barbaria, figo do diabo, piteira, tuna, figueira tuna e palma. O figo da Índia é produzida por uma planta da família das Cactáceas, originária do México e posteriormente aclimada no Brasil. A fruta é do tipo baga, oval, com casca espinhosa, de coloração verde-amarelada a vermelha. Possui polpa doce, geralmente de coloração amarela, com várias sementes. O figo da índia é rico em açúcar (energia), potássio, magnésio, cálcio e vitamina C, vitamina A, vitamina B1 e vitamina B2. É muito utilizada na fabricação de produtos farmacêuticos, que são indicados para o tratamento de: Doenças urinárias, Vias respiratórias, Tratamento de cosméticos. Então, para saber um pouco mais sobre o figo da índia continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre essa incrível fruta do cerrado brasileiro. Vamos lá?!

Origem do Figo da Índia:

O figo da índia foi visto pela primeira vez na América do Norte e depois, segundo pesquisas, no México também. Mesmo assim, seu nome científico é oriundo do Haiti e foi absorvida pela língua espanhola em 1500, ano do descobrimento do Brasil. No México, a espécie se tornou bastante importante, assim como a tequila e o milho, bastante cultivados na cultura mexicana.

Segundo mais pesquisas, pôde-se constatar que a utilização da Figueira-da-índia na humanidade pode ter pelo menos mais de 9000 anos. Devido a sua larga propagação, a espécie acabou chegando na região da Palestina, onde acabou recebendo outro nome: A Sabra. No nordeste do Brasil, o cactus também já foi descoberto e incorporado a merenda infantil da região.

Figo da Índia

Valor Nutricional do Figo da Índia:

A tabela a seguir traz a informação nutricional para 100 g de figo da índia:

Agora que já conhecemos os nutrientes do figo da índia, conheça também os benefícios para a saúde.

Benefícios do Figo da Índia:

O consumo adequado de figo da índia é importante porque ela desempenha as seguintes funções no organismo:

  • Ajuda a liberar toxinas e resíduos do corpo para evitar problemas;
  • Ajuda na prevenção da degeneração macular e catarata;
  • Ajuda na manutenção de um sistema digestivo saudável;
  • Age fortemente no sistema digestivo e é rico em probióticos;
  • Ajuda na redução do colesterol e na prevenção das doenças cardíacas;
  • Ajuda emagrecer por ser uma fruta nutritiva e pouco calórica;
  • Ajuda a combater o envelhecimento precoce da pele e hidratar;
  • Combate cistite e inflamação das vias urinárias.

Seus benefícios podem ser obtidos seja comendo a fruta diretamente in natura.

Como Consumir o Figo da Índia:

figo da Índia pode ser consumido fresco, na sua forma natural, mas também como fruto seco, em sumo, em bebidas alcoólica e no preparo de doces e compotas. Para comer o fruto basta parti-lo ao meio e, com uma colher, comer o recheio. Também pode ser feita uma infusão com as flores da planta. Formas de consumir o figo da Índia:

Suco de Figo da Índia

Ingredientes:

  • 8 figos da índia;
  • 300 ml de água gelada.

Modo de Preparo:

  • Bata a polpa de 8 frutos com 300 ml de água gelada, perene para retirar as sementes, e servi em copos com um fundinho de açúcar baunilhado* e gelo.

O suco vai ficar muito refrescante, com uma cor irresistível e um sabor com toques de laranja e cenoura.

Chá de Figo da Índia:

Ingredientes:

  • 1 colher de sopa de flores da planta;
  • ¼ de litro de água quente.

Modo de Preparo:

  • Adicione as flores da planta na água quente e deixe abafando por algum tempo.
  • Aguarde esfriar e adoce com mel.
  • Tome 2 xícaras ao dia.
  • Esta mesma receita de infusão das flores do figo da índia pode ser utilizado para tratamento da pele.

Contraindicações do Figo da Índia:

Esta planta, assim como os demais remédios naturais e também os fabricados pela indústria farmacêutica, possui dois lados, isto é, um com benefícios e outro com malefícios. Porém, este último só aparece quando o figo da índia é utilizado de maneira errada. Por esta razão é importante ficara atento as contraindicações desta planta, para não colocar a saúde em risco.

Portanto, grávidas, lactantes e crianças menores de 12 anos não devem ingerir o chá desta planta, tendo em vista que os seus organismos ainda não estão preparados para receber os princípios ativos desta erva. Além disso, os demais pacientes que possuem interesse em usar este chá devem, antes de mais nada, consultar um médico e saber qual é o real problema e se esta bebida pode inferir positivamente no quadro clínico.

Efeitos Colaterais do Figo da Índia:

Não foram relatados efeitos colaterais decorrentes do uso nas bibliografias consultadas.

Saúde Vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *